Voltar

Incontinência urinária sintomas


Incontinência urinária é a perda involuntária da urina pela uretra. A condição acontece também quando há pequenos escapes diários, não apenas perda grande e incontrolável de urina.


A incontinência urinária atinge aproximadamente 5% da população mundial de todas as idades, acometendo com mais frequência mulheres e idosos, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).


São 10 milhões de brasileiros com esta condição.Qualquer pessoa pode ter incontinência urinária, mas ela não é igual em todos.


Os sintomas da incontinência urinária variam de acordo ao tipo do problema:


- Incontinência urinária de esforço: Liberação involuntária de urina, especialmente ao tossir, espirrar ou rir; Vazamento de uma pequena a moderada quantidade de urina.


- Incontinência urinária de urgência: Frequente e incontrolável necessidade súbita de urinar; Pode vazar uma quantidade de urina moderada a grave, apesar de uma pequena quantidade ser possível.


-Incontinência urinária por transbordamento: Vazamento de uma pequena quantidade de urina; Jato urinário fraco; Necessidade de se esforçar ao urinar e uma sensação de que a bexiga não está vazia; Necessidade urgente de urinar muitas vezes durante a noite; Vazamento de urina durante o sono.


-Incontinência urinária funcional: A deficiência física ou intelectual o impede a pessoa de ir até o banheiro urinar a tempo. Por exemplo, se você tem artrite severa, você pode não ser capaz de desabotoar sua calça com rapidez suficiente.



Incontinência urinária: sintomas em mulheres


Como vimos, a perda de urina constitui o principal sintoma da incontinência urinária. No entanto, é possível identificar outros sintomas, entre os quais podemos enumerar os seguintes:


-Incapacidade de urinar relacionada, por exemplo, com a retenção de urina.

-Dor relacionada com o facto da bexiga estar cheia e/ou dor ao urinar sem que exista infecção da bexiga.

-Enfraquecimento progressivo do jato urinário com ou sem sensação de esvaziamento completo da bexiga.

- Aumento da frequência das micções, sem relação com infeção da bexiga, durante o dia e/ou noite.

-Necessidade de chegar rapidamente ao banheiro e/ou fuga de urina se não se chega a tempo é um sintoma de incontinência urinária muito comum.

-Perda de urina que se inicia ou continua após um procedimento cirúrgico.

-Infecções frequentes da bexiga. Tudo isto são sintomas de incontinência urinária.


Sintomas da incontinência urinária em homens


Os sintomas da incontinência urinária nos homens são:

-Gotas de urina na cueca depois da micção.

-Perda involuntária de urina frequente e irregular

-Perda involuntária de urina em momentos de esforço, como rir, tossir ou espirrar.
-Vontade incontrolável de urinar.


Com alta incidência após os 60 anos, o prostatismo dificulta a eliminação da urina devido ao aumento da próstata e pode causar incontinência urinária.


A incontinência urinária pode atingir os homens conforme a idade avança, como resultado da perda de força dos músculos que controlam a micção, principalmente após cirurgia de próstata. Pode também ser consequência de outras doenças neurológicas, como doença de Parkinson e esclerose múltipla.


Sintomas da incontinência urinária em idosos


Nos idosos, os sintomas da incontinência urinária são:
-Vazamentos em pequenas quantidades durante o dia e perda da urina à noite, quando a pessoa está dormindo.
-Aumento da vontade de urinar, incluindo desejos muito fortes e incontroláveis.
-Necessidade de fazer esforço para conseguir urinar, acompanhado de uma sensação contínua de bexiga cheia.