Qualidade de vida nas fases da menopausa. Sim, isso é possível!

08/07/2020 -

Com o passar dos anos, é inevitável que mudanças — positivas e negativas — aconteçam em nosso corpo e mente. À medida que a idade senior vai chegando, adquirimos condições que não tínhamos aos 20 anos e perdemos algumas outras. Essa é lei natural da vida!

Depois de ler esse primeiro parágrafo, uma “bad” bateu em você? Caso positivo, saiba que a maioria das pessoas se sente exatamente assim ao falar sobre as mudanças que acontecem durante o processo de envelhecimento.

Para as mulheres, quando a palavra menopausa passa a fazer parte do cotidiano, parece que um balde de água fria é despejado sobre a cabeça.

É preciso mudar esse olhar e entender que essa fase pode ser vivida com muita leveza, alegria e confiança!

Separamos para você algumas dicas que mostrarão que é possível ter qualidade de vida durante e depois que passamos da fase não reprodutiva.

O que fazer com os temidos calorões?

80% das mulheres que entram na pré-menopausa, experimentam súbitas ondas de calor que acontecem principalmente no rosto, tórax e que passam para todo o corpo em questão de segundos.

Não dá para saber quando uma onda dessa irá acontecer, portanto, é importante tomar algumas medidas:

  • Controlar o peso, evitar bebidas alcoólicas e parar de fumar, são decisões importantíssimas;
  • Saia de casa com roupas leves ou que sejam fáceis de remover (evite tecidos grossos e escuros);
  • Caso não consiga ficar em um ambiente com ar condicionado ou ventilador, ande sempre com um leque ou ventilador portátil, e não tenha vergonha de utilizá-los em público;
  • Ande sempre com bebidas (de preferência água) geladas;
  • Consuma alimentos ricos em vitamina E que, além de minimizarem as ondas de calor, podem ser grandes aliados nos episódios de secura vaginal e sensibilidade nos seios. A semente de girassol, as amêndoas, a azeitona, o salmão etc., são algumas das opções.

Um turbilhão de emoções…

Alterações de comportamento podem ser inevitáveis durante este processo da vida.

Portanto, não se sinta culpada por chorar, rir, brigar, abraçar e xingar em menos de 24 horas!

Procure ajuda e alternativas para que essas alterações sejam minimizadas de forma saudável.

  • A atividade física previne a osteoporose (doença que pode ser detectada durante a menopausa), melhora o humor e a memória. Busque por atividades que tragam prazer e que ajudem a aliviar a carga emocional;
  • A terapia comportamental é bastante eficaz durante este período. As práticas integrativas, como a ioga, meditação e massagens, podem proporcionar ótimos resultados;
  • Converse com outras mulheres! Ouvir de outra pessoa que você não é única que está passando por isso, pode mudar a forma de lidar com essas oscilações.

Sexo e autoestima, cadê vocês?

Quando ocorre a queda hormonal, muita coisa muda! Cabelo, pele, peso...

A distorção da própria imagem vira uma realidade na vida de muitas mulheres, além de influenciar na relação com o sexo.

Não tenha medo de expor os seus medos e limitações quando este for o assunto. Seja sincera com o seu parceiro e cuide de si mesma.

  • Conheça o seu corpo e descubra quais partes, além da vagina, podem proporcionar prazer;
  • Não pense que a sua libido morreu porque a menopausa chegou, apesar de haver uma baixa, ela continua lá, você só precisa de estímulo;
  • Aprenda a olhar para si com respeito e amor. Assim, você conseguirá se sentir desejada pelo outro.

Você pode gostar também

mulher idosa olhando para janela tomando chá

Qualidade de vida nas fases da menopausa. Sim, isso é possível!

Com o passar dos anos, é inevitável que mudanças — positivas e negativas — aconteçam em nosso corpo e mente. À medida que a idade senior vai chegando, ad...

Saiba Mais