Voltar

Café: Amigo Ou Inimigo?

Claudia Angarita

 

Quando se fala de café e saúde, a primeira coisa que vem à mente é a quantidade de cafeína e seus possíveis efeitos sobre o nosso bem-estar. 

Nos últimos 20 anos, mais de 5.000 pesquisas envolvendo cafeína foram publicadas e muitas delas descrevem efeitos prejudiciais à saúde. No entanto, as pesquisas mais recentes e com metodologia mais apropriada e controlada, sugerem que um consumo moderado oferece efeito benéfico ao nível cardiovascular e contribui para a prevenção de alguns tipos de câncer, além de promover proteção gastrointestinal, entre outros.

 

Mas, por que estamos falando agora dos efeitos benéficos do café quando ele é incluído em uma dieta saudável? 

Os estudos atuais demonstram que o café não tem só cafeína, mas também outros compostos como: ácido clorogênico, ácido cafeico, ácido ferúlico, magnésio, entre outros, que têm efeitos antioxidantes e são atribuídos a efeitos benéficos como aqueles mencionados acima. 

Estes efeitos saudáveis podem ser alcançados quando o café é tomado em quantidades adequadas. A recomendação de consumo em todo o mundo é de 4 xícaras de café de 120 ml cada (4 Oz.) por dia ou, no máximo, 300 mg de cafeína por dia. 

A quantidade de cafeína em uma xícara de café depende da variedade do café, se é torrado ou não e como prepará-lo.

 

 

Uma xícara de café de 150 ml (5 oz.)

Tipo de Café

Qtde de cafeína

Qtde de xícaras / dia

Café filtrado

115 mg

2 ½

Café coado

80 mg

3 ¾

Instantâneo

60 mg

4 ½ xícaras

Descafeinado

3 mg

10 xícaras

Café espresso*

318 mg

1 xícara

 

Então, o café é amigo ou inimigo da saúde? Bem, a resposta é: depende. Depende da quantidade consumida por dia.

 

Órgão / sistema / doença

Amigo
(Quantidades adequadas)

Inimigo
(Maiores quantidades)

Cardiovascular

Mantém ou reduz gorduras no sangue. Não aumenta o risco de hipertensão, ataque cardíaco e doença cardiovascular.

Aumentar o risco de insuficiência cardíaca.

Câncer

Graças a seus antioxidantes, previne alguns tipos de câncer como o de mama e o de endométrio.

Aumenta o risco de câncer colorretal e do trato urinário.

Gastrointestinal

Melhora a microflora intestinal pelo tipo de fibra que contém. Café descafeinado pode ser uma melhor escolha para melhorar os sintomas de gastrite e refluxo gastresofágico.

O excesso de cafeína aumenta os sintomas causados por gastrite ou refluxo gastresofágico.

Gestação

 

Não tem efeitos.

Alterações no crescimento e desenvolvimento do bebê e parto prematuro.

Incontinência urinária

Não tem efeitos.

Pode aumentar a diurese e o vazamento de urina, tornando-os mais frequentes.

 

Conclusão: em pessoas com uma dieta equilibrada e um estilo de vida saudável, o consumo moderado de café pode ter efeitos positivos na saúde, tanto físicos como mentais. As instituições reguladoras e a comunidade científica aceitam que o consumo moderado de café não tem efeitos negativos sobre a saúde.

 

Mais artigos sobre A Vida com Incontinência.
Previous
Next
More Articles
Previous
Remédio para Emagrecer e Incontinência Urinária
Next
Benefícios da Caminhada