Voltar

Alimentos Para Incontinência Intestinal

Por CLAUDIA ANGARITA

24 de novembro de 2016

 

Incontinência intestinal é a incapacidade de controlar o intestino e a eliminação das fezes, ou seja, a pessoa não consegue esperar para evacuar até chegar ao banheiro. 

A incontinência intestinal afeta pessoas do mundo todo, de todas as idades (crianças e adultos), é mais comum em mulheres do que em homens e não é tão comum durante o envelhecimento. 

As causas são múltiplas e incluem: constipação crônica, danos aos músculos do ânus ou reto, diarreia, prolapso do reto ou da pelve. Os tratamentos incluem mudanças na dieta, medicamentos e exercícios para fortalecer os músculos da área e, se o procedimento acima não funcionar, pode ser necessário um procedimento cirúrgico.  

Alterações na dieta vão depender se a pessoa sofre de constipação intestinal ou diarreia.

 

Dieta para tratar a constipação intestinal

 

  • Inclua alimentos ricos em fibras de forma progressiva. Não são aconselhadas mudanças bruscas, fibras em excesso podem causar gases e dores intestinais, incluindo diarreia. O mais apropriado é aumentar a quantidade de alimentos ricos em fibra na sua dieta: vegetais cozidos, inteiros ou em purê, saladas, frutas frescas, legumes cozidos, cereais integrais e frutos secos (castanha-de-caju, castanha-do-pará, amendoim, nozes, amêndoas, avelãs, macadâmia, pinhões e pistache).
  • Ingerir líquidos, mínimo de 4 a 5 copos por dia de água ou infusões, caldos caseiros sem gordura e sucos.
  • O iogurte e outros leites fermentados contêm bactérias que ajudam a equilibrar a flora intestinal, melhoram as secreções intestinais e estimulam o peristaltismo intestinal, por isso são especialmente recomendadas.
  • Os óleos exercem uma importante ação que favorece o movimento intestinal devido a seu potencial lubrificante; use-os em quantidades adequadas na cozinha.
  • Coma alimentos muito frios ou muito quentes para estimular o movimento do intestino.
  • Descontinuar temporariamente alimentos ricos em taninos, que são adstringentes: banana, maçã crua, arroz, cenoura.
  • Aumentar o consumo de frutas como pitaia, laranja, ameixa vermelha, manga, sapoti e banana.
  • Substitua alimentos com farinha refinada por produtos integrais, como pães, biscoitos e torradas.

 

Evite o consumo de: 

  • Frutas como: goiaba, pera, maçã e pêssego.
  • Uso frequente de banana, massas e arroz.
  • Bebidas industrializadas como sorvete, milk-shake, bebida de chocolate, gelatina, refrigerante, etc.
  • Consumo excessivo de lácteos.

 

Dieta para tratar a diarreia: 

  • Não se esqueça de tomar iogurte (de preferência com probióticos que ajudarão a recuperar a flora intestinal).
  • Prefira sucos naturais como pera, maçã, goiaba e evite a adição de açúcar.
  • Inclua qualquer vegetal preferencialmente cozidos, em cremes ou purês.
  • Coma arroz, batatas, mandioca; estes dois últimos preferencialmente cozidos ou no vapor.
  • Coma bolachas de preferência de sal ou torrada.
  • Coma carne magra, frango, peixe sem pele grelhados ou assados.
  • Consumir ovo em preparações sem gordura, preferencialmente cozidos em água.
  • Evite o consumo de manteiga, molhos e alimentos com excesso de gordura.
  • Não adicione açúcar nos pratos.
  • Não consuma refrigerantes e sobremesas.
  • Não se esqueça de lavar frutas e alimentos em geral antes de serem consumidos.

 

Lembre-se sempre de consultar um médico especialista, pois alterações na dieta devem ser personalizadas e garantir que sua contribuição nutricional seja adequada.

 

Mais artigos sobre A Vida com Incontinência.
Previous
Next
More Articles
Previous
Incontinência Urinária em Mulheres Jovens e Atletas
Next
Remédio para Emagrecer e Incontinência Urinária